Khóra: Revista Transdisciplinar

Chamada para submissão de trabalhos

______________________________________

  O primeiro número da KHÓRA– Revista Transdiciplinar – NESAP, NEURB, ESPAZO, NEHPS (ISSN: 2358-9159) foi um sucesso!

A revista é uma publicação on line semestral que visa dar lugar à integração e ao diálogo entre as ciências humanas, junto com entrevistas, relatos e memórias que vão além de disciplinas específicas.  A idéia é que as diferenças e semelhanças apareçam livremente, mantendo um espaço aberto e descentralizado de divulgação do conhecimento. Daí o nome khóra, palavra grega que significa “espaço”, “receptáculo”, como abertura que possibilita os muitos lugares e posicionamentos específicos, o que, a nosso ver, “traduz” o propósito transdisciplinar da revista.

E é sob essa inspiração que temos o prazer de abrir chamada pública para os interessados em colaborar, no segundo número. A revista aceita contribuições para suas seções, de acordo com as seguintes normas:

Mirante (dossiê): Nesta secção teremos dois temas geradores, a saber: (I) As transformações sócio-espaciais no Estado do Rio de Janeiro, (II) Educação e Regimes autoritários. Os textos devem ser inéditos e entre 8 (oito) e 25 (vinte e cinco) páginas, sem contar a bibliografia. Deve conter título centralizado em caixa alta, com o nome do autor em itálico alinhado à direita um espaço abaixo e, numa nota de rodapé, deverá ser informado a titulação do autor, a instituição a que pertence e um e-mail, caso desejar. Antes do início do texto, deve vir um resumo de até 500 palavras, em espaço simples, com cinco palavras-chave, seguido de abstract. Fonte: Times New Roman 12, espaçamento 1,5 (exceto para o resumo e abstract), margens esquerda e superior com 3 cm, direita e inferior 2 cm. Para citações, usar o esquema autor-data, conforme à ABNT NBR 10520. As referências bibliográficas devem ser conformes à ABNT NBR 6023.

 

Caminhos (artigos): Textos inéditos entre 8 (oito) e 25 (vinte e cinco) páginas, sem contar a bibliografia. Deve conter título centralizado em caixa alta, com o nome do autor em itálico alinhado à direita um espaço abaixo e, numa nota de rodapé, deverá ser informado a titulação do autor, a instituição a que pertence e um e-mail, caso desejar. Antes do início do texto, deve vir um resumo de até 500 palavras, em espaço simples, com cinco palavras-chave, seguido de abstract. Fonte: Times New Roman 12, espaçamento 1,5 (exceto para o resumo e abstract), margens esquerda e superior com 3 cm, direita e inferior 2 cm. Para citações, usar o esquema autor-data, conforme à ABNT NBR 10520. As referências bibliográficas devem ser conformes à ABNT NBR 6023.

 

Partes do percurso (capítulos de teses, dissertações e monografias): Texto inédito entre 8 (oito) e 25 (vinte e cinco) páginas, sem contar com a bibliografia, sendo capítulo ou sub-capítulo de tese, dissertação ou monografia, defendido até dois anos antes da data em que expira o prazo de envio do material para a revista. Fonte: Times New Roman 12, espaçamento 1,5 (exceto para o resumo e abstract), margens esquerda e superior com 3 cm, direita e inferior 2 cm. Para citações, usar o esquema autor-data, conforme à ABNT NBR 10520. As referências bibliográficas devem ser conformes à ABNT NBR 6023.

 

Rotas de leituras (resenhas e sinopses): Apresentação em até 5 (cinco) páginas de livro ou artigo. A referência bibliográfica do livro ou artigo tratado deverá constar no início do texto. Fonte: Times New Roman 12, espaçamento 1,5, margens esquerda e superior com 3 cm, direita e inferior 2 cm. Para citações, usar o esquema autor-data, conforme à ABNT NBR 10520.

 

Vivências (entrevistas, relatos e projetos): Para entrevistas transcritas, deve-se utilizar letra Times New Roman 12, espacejamento 1,5, com duplo espaço entre as falas e alinhamento justificado. Antes do início de cada pergunta, intervenção ou resposta deve vir em negrito o nome do falante. Na primeira fala de cada participante, o nome deve vir por inteiro, sendo substituído, da segunda fala em diante, por suas iniciais. A página deve ser tamanho A4, com margem esquerda e superior com 3 cm, direita e inferior com 2 cm. Recursos em áudio, vídeo ou audiovisual serão avaliados pela comissão editorial, quanto a seu tamanho.

Todos os artigos enviados à revista são submetidos à pareceristas conceituados, a fim de que sejam avaliados de modo imparcial. Os editores reservam-se o direito de introduzir pequenas alterações na redação dos originais, com o intuito de manter a homogeneidade e qualidade da revista, respeitando, porém, o estilo e as opiniões dos autores.

Data limite para submissão de artigos: 03 de março de 2015.

Os artigos devem ser enviados para o e-mail: revistakhora@yahoo.com.br

As normas para a publicação podem ser consultadas em http://www.feuc.br/khora


Imagem para capa da revista

Khóra, palavra grega geralmente traduzida por “espaço”, ganha com Platão, no Timeu, um de seus sentidos mais ricos e a partir daí tem movimentado o pensamento ocidental na compreensão dessa abertura que, como diz o filósofo grego, sem forma (ámorphon) e sem lugar (átopon), “enseja lugar para tudo que nasce” (52 b), como espaço sem o qual tudo o que se determina numa forma e lugar não encontraria possibilidade de existência.

O Núcleo de Estudos Espaciais e Ambientais da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro (ESPAZO), o Núcleo de Estudos e Assessoramento Pedagógico (NESAP), o Núcleo de Estudos Históricos e Pesquisas Sociais (NEHPS) e o Núcleo de Estudos Urbanos (NEURB), das Faculdades Integradas Campograndenses, FEUC, ao se apropriarem da palavra para nomear sua revista, pretendem marcar o sentido possível de abertura presente na postura transdisciplinar. Tal postura se faz importante hoje tanto nas discussões da Geografia, quando pensa uma outra forma de compreensão das relações entre o homem e o espaço, que não a pautada por uma postura de dominação, quanto na Pedagogia, quando pensa nas possibilidades de superação de um esquema do conhecimento que se reflete nas ramificações especializadas das disciplinas.

 A Khóra, revista transdisciplinar, é uma publicação semestral que alia o princípio da transdisciplinaridade ao princípio do acesso livre. Submetida a um, a revista visa dar lugar à integração entre saberes, a partir das múltiplas acepções possíveis do espaço, se abrindo aos mais diversos campos de atuação do conhecimento, junto com a divulgação de memórias e relatos provenientes de pessoas não necessariamente ligadas ao saber acadêmico; submetida ao outro, a revista é acessível a toda e qualquer pessoa, em qualquer lugar e hora, como publicação on line e gratuita.



ISSN: 2358-9159